sexta-feira, 19 de março de 2010

A Fifa aprovou o Morumbi. E daí ?

Dona Fifa deu o "sim" ao novo projeto do Morumbi para 2014. Recebi inúmeros mails de pessoas que estavam engasgadas com minhas constantes críticas à conduta da direção do SPFC em relação ao assunto.
O pessoal enviou mensagens iradas e algumas impublicáveis.

"Tá vendo mané ??? O São Paulo é maior que tudo!"
"Querem derrubar a locomotiva do Brasil, mas não vão conseguir!"
"Pronto, agora pode parar de falar besteira"
"Nem conhecia o projeto e ficava escrevendo bobagens, e agora ?"

Pois eu sinto ter que contrariar a todos.

Apesar de tentar explicar que nada tenho contra o clube, a cidade, ou que faço campanha sistemática contra o estádio, algumas pessoas tem dificuldade em separar as coisas. Consequências da paixão.

Mas o que importa, é que essa declaração do secretário-geral da Fifa sobre o Morumbi, pouco importa.

Porque para ser aprovado, o projeto sofreu modificações expressivas, e que exigirão maiores recursos. E esse é o ponto crítico. A fonte dos recursos.
Procedimentos como rebaixamento da área de jogo em 3 metros, eliminação do anel inferior, e cobertura total para os torcedores, entre muitos outros, farão os custos beliscar os R$ 300 milhões.

Ou seja, nada mudou. O mais simples era refazer o projeto no papel e satisfazer a Fifa. Isso é fácil. Sempre foi. Mas em que a aprovação do projeto para ser a abertura da Copa modifica a situação ? Ficou mais fácil construir o estádio ? Ficou mais fácil obter os recursos ? A resposta continua sendo não.

Recursos próprios o clube não dispõe. Os investimentos privados ainda não apareceram. O poder público já vai investir muito no entorno, mas não poderá fazê-lo no equipamento. Sobra o BNDES. Que para emprestar precisa avaliar a viabilidade econômica, garantias etc, e oferece prazo de apenas 12 anos para pagar. Será que o clube vai realmente meter a mão nessa cumbuca ?

Lamento, sei que irei receber mais e-mails mal-criados, mas o ponto de interrogação sobre a sede paulista continua.

4 Comentários:

Às 21 de março de 2010 13:50 , Blogger bruno pylro disse...

A questão do Morumbi é muito complicada. Eu não conheço o projeto atual mos o antigo realmente não atendia aos requesitos da FIFA para jogos importantes. Analisando as condições principalmente de entorno acho dificil o novo projeto atender. Quanto a como viabilizar esse novo projeto...
Continuo a fazer das suas as minhas palavras nas rodas de bar...

 
Às 2 de abril de 2010 19:27 , Anonymous Anônimo disse...

Esse me parece um problema sem solução porque a iniciativa privada simplesmente não tem capacidade para arcar com esse custo nem com naming rights nem com porra nenhuma

 
Às 13 de abril de 2010 00:26 , Blogger Guilherme Mallet disse...

Ora, Ricardo. Se o São Paulo teve que alterar o projeto para a FIFA começar a degustá-lo, então é porque tu tinhas toda razão nas críticas.

Estranho seria a FIFA aceitar aquele projeto inicial, que até a imprensa (intermediários de bilhões de telespectadores) ficariam com a visão do campo com pontos cegos...

Força!

Abraço.

 
Às 13 de junho de 2010 18:59 , Anonymous fabio disse...

Informação nova.

Parece que o São Paulo desistiu de abrir a copa para voltar ao projeto anterior, mais barato.

Mas, pelo o que me parece, como projeto anterior o estádio não estará apto nem para jogos secundários da primeira fase.

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial