terça-feira, 8 de setembro de 2009

Olha a Copa Verde aí gente !!!!

A palavra da moda agora é sustentabilidade. Portanto, teremos uma Copa com arenas sustentáveis, com emissão zero de carbono, com água reciclada e reaproveitada, materiais recicláveis, cinturões verdes, e movidos a energias limpas. Tudo politicamente correto e dentro do melhor marketing ambientalmente responsável.

Desde o início da candidatura do Brasil o slogan midiático era esse. A proposta seria a de pegar carona na "nova onda", o que justificaria de certa forma a escolha de cidades sedes até então inimagináveis. Assim, dentro do espírito vigente, teríamos que abrir espaço para uma sede no Pantanal, afinal, são 3 biomas (outra palavrinha bacana) diferentes. Além disso, teríamos que dar espaço a uma sede amazônica, com tudo de ecológico que esta palavra induz.
E assim foram escolhidas Cuiabá e Manaus. Nasceram meio como Ceci e Peri. Apareceram travestidas de referencias que embasam a estética "verde".
Só esqueceram de pequenos detalhes. Que em ambas não existe futebol. Em ambas, as médias de público oscilam entre 1.000 e 3.000 pagantes, até porque os clubes daquelas cidades não participam sequer da série B do campeonato brasileiro. Aí, depois de muitas voltas, retornamos à tal da sustentabilidade.
E percebemos que toda essa verborragia ecológica, esconde uma fragilidade difícil de contornar. Sustentabilidade ambiental, ok. Mas e a sustentabilidade econômica ? Já sabemos que não haverá capital privado interessado em parir esses elefantes verdes. Simplesmente porque, apesar de verdes, esses paquidermes comem muito, e mantê-los seria caro demais. Não é coincidência que nenhum dos projetos tenha apresentado estudo de viabilidade economica até agora. E nesses tempos de recursos públicos escassos, seria correto investir em elefantes verdes ? Acredito que não.
Espero que pensem bem, estados, municípios, políticos afoitos, e CBF, antes que o assunto vire galhofa, e a oportunidade de reestruturar nossa infraestrutura esportiva se perca.

Ainda outro dia, um amigo me perguntou se a Copa era "verde", porque estava orçada em dólar...

3 Comentários:

Às 8 de setembro de 2009 21:19 , Anonymous Anônimo disse...

Ue, em Londres vao construir um estadio Olimpico que apos os jogos vai ser reduzido pra 10mil pagantes. E so fazer o mesmo por aqui.

 
Às 9 de setembro de 2009 10:46 , Blogger Novas Arenas disse...

Anônimo, o destino do estádio olímpico que está sendo erguido para Londres 2012 ainda não foi determinado. Existe a idéia do comitê organizador de reduzi-lo a 25.000 lugares e utiliza-lo como estádio de atletismo gerido por alguns clubes da região, porem algumas outras autoridades, inclusive o prefeito, já manifestaram o desejo de que o mesmo seja utilizado para o Mundial de Rugby em 2015, e para uma provável Copa 2018. Poderiam ser desenvolvidos projetos prevendo a redução de capacidade pós-Copa 2014 ? Certamente, mas nenhum projeto apresentado prevê essa possibilidade, e sim a manutenção de suas capacidades originais. Abs.

 
Às 18 de setembro de 2009 16:11 , Blogger frank disse...

Este comentário foi removido pelo autor.

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial